Depressão

É um transtorno emocional bastante comum nos dias atuais,  atinge milhares de pessoas em todo mundo.

Estima-se que uma a cada cinco pessoas deverá apresentar esse distúrbio em algum momento na vida. Hoje já e reconhecida como uma doença.

Entre as suas características estão à baixa autoestima e uma tristeza profunda.

Dentre os fatores  que desencadeiam esse distúrbio estão o estresse, trabalho excessivo, dívidas, desemprego, assédio moral e ainda problemas biológicos.

Os indivíduos que apresentam taxas alteradas das seguintes substâncias serotonina, noradrenalina e dopamina, que são os neurotransmissores, responsáveis pela comunicação entre os neurônios na área do cérebro, conhecido como sistema límbico, ligado às emoções.  

Estas pessoas estão mais sujeitas a desenvolverem essa doença.

Dentre elas estão as mulheres que vivem várias situações estressantes durante sua vida, como no parto, por exemplo.

Pessoas idosas, embora a idade não seja um fator preponderante, porém são pessoas que na maioria da vezes fazem uso de medicamentos e vivem mais isoladas.

A Depressão É Diferente De Tristeza

homem deprimido

A tristeza é um estado emocional passageiro e não dura mais do que quinze ou vinte dias. Já a depressão se instala e quando não tratada pode se agravar passando por três estágios: leve, moderada e  grave.

Como Identificar Os Sintomas Da Depressão

Dentre os principais sintomas estão:

  • Insônia;
  • Insegurança;
  • Irritabilidade;
  • Pessimismo;
  • Ansiedade;
  • Angústia;
  • Desânimo;
  • Raciocínio lento

Dentre os principais sintomas físicos sem causa aparente:

  • Azia e má digestão;
  • Dores de cabeça;
  • Dores pelo corpo;
  • Tensão;
  • Flatulência

 estresse nos estudos - depressão

Estes são apenas alguns dos indícios do quadro depressivo.

Vários eventos como, traumas, violência, sequestros, abusos, estresse nos estudos, divórcio, gravidez, problemas familiares, consumo de álcool ou drogas podem levar à depressão. 

É aconselhável procurar atendimento e orientação de  um profissional da área de saúde.

O psicólogo ou psiquiatra são os profissionais qualificados para fazer essa avaliação. Sendo identificada a depressão esse profissional deverá indicar o melhor tratamento.

O tratamento da depressão é essencialmente medicamentoso, podendo incluir também a psicoterapia.

Existem mais de 30 antidepressivos disponíveis no mercado, lembrando ainda que não se deve tomar medicação sem o conhecimento do médico especializado.

É bom ressaltar ainda a importância de uma boa alimentação e a prática de exercícios físicos que ajudam a produzir mais serotonina, e assim aumentando o bom humor e ajudando no combate da depressão.

Entretanto, não substitui o tratamento convencional da doença. Ter qualidade de vida e bem estar é um direito de todo o cidadão.

Gostou dessas dicas então curta e compartilhe! Cadastre-se na barra lateral ao lado e receba nossas dicas e atualizações diretamente no seu e-mail!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.